Animais selvagens Ouriço-cacheiro

Ouriço-cacheiro


Reino: Animalia
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Classe: Mammalia
Ordem: Erinaceomorpha
Família: Erinaceidae
Subfamília: Erinaceinae
Género: Erinaceus
Espécie: E. europaeus

Outros nomes:
Ouriço-terrestre
European hedgehog (Inglês)
Common hedgehog (Inglês)
Northern Hedgehog (Inglês)
Hérisson commun (Francês)
Hérisson européen (Francês)
Hérisson d'Europe de l'Ouest (Francês)
Erizo común (Castelhano)

Distribuição:
O ouriço-cacheiro, existe em toda a Europa Ocidental, incluindo na Grã Bretanha e nos países escandinavos até à Sibéria. Pela mão do humana foram levados para a Nova Zelândia.

Este pequeno mamífero pode ser encontrado um pouco por todo o território continental português, incluindo algumas ilhas açoreanas onde também foi introduzido pelos colonizadores.

Características fisicas e alimentação:
O seu aspecto característico, com as costas cheia de grandes e poderosos bicos, serve como defesa dos predadores.

Apesar de ser insectívero, o ouriço come outros alimentos, nomeadamente pequenos frutos que transporta, espetados nos seus afiados espinhos, até à toca. Da sua alimentação fazem parte ainda minhocas, baratas, caracóis, ovos que encontre no chão e pequenos répteis.

Hábitos:
O ouriço é um animal de hábitos nocturnos, pelo que é mais fácil de encontrar ao amanhecer e ao anoitecer, perto de lagos ou rios, onde vai beber água e tomar pequenos banhos.

O calor libertado pelo alcatrão é o maior inimigo destes animais que, para se aquecerem, procuram as estradas, sendo com muita frequência vítimas de atropelamentos.

Os ouriços procriam na Primavera e no Verão e a sua prole é normalmente de 4 crias.

Predadores:
Entre os predadores naturais destes animais podem contar-se os texugos, os gatos selvagens, os cães, os lobos, as raposas e as doninhas. O Homem é outro dos predadores da espécie, já que em algumas zonas do país é apreciado como especialidade gastronómica.

Peso, tamanho e longevidade:
Os ouriços adultos pesam cerca de 750 g, medem até 23 cm e vivem cerca de 6 anos.

Estatuto de conservação:
Pouco Preocupante (IUCN 2008)


Publicidade


Galeria fotográfica

Publicidade


Classificados
Matosinhos, Portugal
Afiação de Lâminas Tosquia e T
Porto - Santo Tirso, Portugal
Leões da Rodésia


Bicharada.net
Contacto
Login
Privacy policy