Baleia-franca-do-atlântico-norte (Eubalaena glacialis)


Baleia-franca-do-atlântico-norte (Eubalaena glacialis)

Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Cetacea
Subordem: Mysticeti
Família: Balaenidae
Género: Balaena
Espécie: E. glacialis

Outros nomes:
North Atlantic right whale (Inglês)
Baleine franche de l'Atlantique Nord (Francês)
Baleine noire de l'Atlantique nord (Francês)
Baleine de Biscaye (Francês)
Ballena franca glacial (Castelhano)
Ballena de los vascos (Castelhano)
Atlantische Nordkaper (Alemão)

Distribuição geográfica:
A Baleia-franca-do-atlântico-norte ocorreu em quase todo este oceano, quase até à linha do Equador, porém a caça intensa a que foi sujeita ao longo dos séculos levou a que ficasse reduzida a duas pequenas populações, uma na costa ocidental dos Estados Unidos e uma outra muito reduzida, alguns autores consideram-na mesmo possivelmente extinta, numa região que vai do Golfo da Biscaia até à região Norte da Islândia.

Alimentação:
Na base da alimentação desta espécie está o zooplâncton, pequenos crustáceos e outros pequenos organismos que filtram da água.

Estado de conservação:
A Baleia-franca-do-atlântico-norte é de entre os grandes baleias aquela que maior em risco se encontra. A caça e a colisão com grades navios têm sido ao longo dos tempos as maiores ameaças a esta espécie. Só no Século XX, antes de começar a ser uma série protegida, estima-se que tenham sido chacinadas mais de 100.000 baleias. Neste momento estimam-se que restem pouco mais de 300 a 400 animais desta espécie, pelo que ainda se teme que esta população possa ser inviável, apesar de todos os esforços de conservação que têm sido desenvolvidos pela maioria dos países com costa no Atlântico Norte. Apesar de tudo, parece haver uma pequeníssima recuperação no número de indivíduos desta espécie, mas sendo tão poucos é extremamente difícil estabelecer algum crescimento sólido.

Gestação e maturidade sexual:
As baleias-da-Gronelândia, machos e fêmeas, atingem a maturidade sexual entre os 5 e os 10 anos.

Reprodução:
A gestação desta espécie dura cerca de 12 meses, findos os quais nasce apenas uma cria.

Tamanho:
O tamanho dos indivíduos desta espécie situa-se entre os 15 e os 18 metros e pesam entre as 55 e as 90 toneladas.

Longevidade:
Estimada até mais de 100 anos, embora a maioria viva entre os 65 e 70 anos.

Estatuto de conservação:
Em Perigo (IUCN 2012)

Referências:
ADW - Animal Diversity Web - University Michigan
IUCN - International Union for Conservation of Nature and Natural Resources
Defenders of Wildlife
NOAA - National Marine Fisheries Service


Publicidade


Galeria fotográfica

Classificados
Campinas, Brasil
Vilac Clínica Veterinária


Bicharada.net
Contacto
Login
Privacy policy