Baleia-piloto-de-aleta-curta (Globicephala macrorhynchus)


Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Cetacea
Subordem: Odontoceti
Família: Delphinidae
Género: Globicephala
Espécie: G. macrorhynchus

Outros nomes:
Baleia-piloto
Baleia-piloto-de-peitorais-curtas
Baleote-de-siebold
Short-finned pilot whale (Inglês)
Pacific Pilot Whale (Inglês)
Baleine pilote (Francês)
Globicéphale tropical (Francês)
Globicéphale du Pacifique (Francês)
Globicéphale de Siebold (Francês)
Calderón tropical (Castelhano)
Aleta corta (Castelhano)
Kurzflossen-Grindwal (Alemão)
Indische Grindwal (Alemão)

Distribuição geográfica:
As Baleias-piloto-de-aleta-curta são nativas do Oceano Atlântico, Mar Mediterrâneo, Mar Negro, Oceano Pacífico e Oceano Índico. Podem ser encontradas nas águas territoriais da; África do Sul, Angola, Antígua e Barbuda, Arábia Saudita, Aruba, Austrália, Bahamas, Bangladesh, Barbados, Belize, Benim, Bermuda, Bonaire, Brasil, Brunei, Cambodja, Camarões, Canadá, Cabo Verde, Chile, China, Colômbia, Comores, Congo, Costa Rica, Costa do Marfim, Cuba, Curaçao, Djibouti, Equador, El Salvador; Eritreia, Espanha, Estados Unidos, Fiji, Filipinas, Gabão, Gâmbia, Gana, Grenada, Guadalupe, Guam, Guatemala, Guiana Francesa, Guiné, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Guiana, Haiti, Honduras, Ilhas Caimão, Ilhas Cocos, Ilhas Cook, Ilha Formosa, Ilhas Marianas, Ilhas Marshall, Ilhas Reunião, Ilhas Salomão, Ilhas Turcas e Caícos, Ilhas Virgens, Índia, Indonésia, Irão, Jamaica, Japão, Kiribati; Coreia do Norte, Libéria, Madagáscar, Malásia, Maldivas, Martinica, Mauritânia, Maurícias, México, Micronésia, Marrocos, Moçambique, Myanmar, Namíbia, Nauru, Nova Zelândia, Nicarágua, Nigéria, Niue, Nova Caledónia, Omã, Paquistão, Palau, Panamá, Papua Nova Guiné, Peru, Pitcairn, Polinésia Francesa, Portugal, Porto Rico, Quénia, República Dominicana, Rússia, Santa Helena, Tristão da Cunha, Saint Lúcia, São Vicente e Granadinas, Samoa, São Tomé e Príncipe, Senegal, Seychelles, Serra Leoa, Singapura, Somália, Samoa Americana, Sri Lanka, Suriname, Tanzânia, Tailândia, Togo, Tonga, Trinidad e Tobago, Tuvalu, Vanuatu, Venezuela, Bolívia, Vietname, Sahara Ocidental e Iémen.

Alimentação:
Na base da alimentação da Baleia-piloto-de-aleta-curta estão moluscos marinhos e peixe.

Estado de conservação:
Estima-se que possam existir algumas centenas de milhar destas baleias-piloto, entre espécie e subespécies, nas águas de onde são nativas, por esse motivo não carecem pelo menos para já de nenhum estatuto especial de proteção, no entanto sabe-se que o números não têm aumentado como noutras espécies.

Gestação e maturidade sexual:
Esta espécie atinge a maturidade sexual por volta dos 10 anos, e a gestação dura cerca de 15 meses.

Tamanho:
Esta espécie pode atingir os 6 metros de comprimento e pesar até 3000 quilos.

Longevidade:
Estimada em mais de 60 anos para as fêmeas e cerca de 45 anos para os machos.

Estatuto de conservação:
Dados insuficientes. (IUCN 2011)

Referências:
ADW Animal Diversity
NOAA
IUCN - International Union for Conservation of Nature and Natural Resources
CMS Whales & Dolphins


Publicidade


Galeria fotográfica

Classificados
Campinas, Brasil
Vilac Clínica Veterinária


Bicharada.net
Contacto
Login
Privacy policy