Roedores Ratazana

Ratazana


Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Rodentia
Família: Muridae
Subfamília: Murinae
Género: Rattus
Espécie: R. norvegicus

Outros nomes:
Rata
Rato-castanho
Rato-marrom
Brown rat (Inglês)
Common rat (Inglês)
Street rat (Inglês)
Sewer rat (Inglês)
Hanover rat (Inglês)
Norway rat (Inglês)
Brown Norway rat (Inglês)
Norwegian rat (Inglês)
Wharf rat (Inglês)
Rat brun (Francês)
Rat surmulot (Francês)
Rat d'égout (Francês)
Rat de Norvège (Francês)
Rata parda (Castelhano)
Rata de alcantarilla (Castelhano)
Rata gris (Castelhano)
Rata marrón (Castelhano)
Rata china (Castelhano)
Rata noruega (Castelhano)
Rata guarén (Castelhano)

Como animal de companhia:
A Ratazana é um animal com um estigma muito forte na sociedade, associado a doenças e pragas de outros tempos e é um dos mais incompreendidos animais de estimação.

Muitas pessoas têm outros roedores como Pets, mas ratazanas é que não, no entanto a Ratazana é um animal muito simples de cuidar, amigável e bastante limpo.

É um animal social e deve ser mantido em grupos do mesmo sexo, nunca sozinho, para além de que se habituada desde pequena é muito devota e amiga do dono. Como animal de estimação existe há mais de duzentos anos e no último século desenvolveram-se muitos padrões e cores diferentes, existindo clubes que fazem exibições no Norte da Europa e na América.

A gaiola:
A gaiola deve ser grande, maior do que para outros roedores e resistente, com plataformas e espaço que permitem o movimento. São animais muito curiosos e essa curiosidade deve ser estimulada com brinquedos e brincadeiras com o dono.

Esperança de vida:
O seu tempo de vida não é longo e anda em média há volta dos 3 anos.

Alimentação:
A ratazana de estimação é um animal omnívoro e come praticamente de tudo. No mercado existem algumas rações próprias, se bem que ainda não em grande número.
Frutas e vegetais podem servir de complemento à dieta. Como em qualquer outro animal deve ter uma dieta equilibrada para evitar problemas de saúde.

Cuidados especiais:
Devem ter sticks próprios para mascar e roer de forma a prevenir o crescimento dos incisivos, que crescem continuamente ao longo da vida.

São muito sensíveis a problemas respiratórios, por isso a gaiola deve-se manter o mais limpa possível. Para o forro deve-se utilizar aparas de madeira, mas ter em atenção que estas não devem ficar muito tempo húmidas com a urina, pois isso é prejudicial para as Ratazanas.

Reprodução:
Atinge normalmente a maturidade sexual às 6 semanas, mas é melhor esperar pelas 16 no caso de se decidir fazer criação. Como em outros roedores as Ratazanas são grandes procriadoras e podem ter ninhadas de muitos indivíduos (mais de 6 normalmente). Uma fêmea entra em cio a cada 4-5 dias. Machos e fêmeas devem estar separados e juntos apenas durante 1-2 horas para copularem. Se se notar algum sinal de agressão durante este tempo é melhor separá-los.

A gestação dura apenas 22 dias e após o nascimento as crias abrem os olhos ao fim de 14 dias. Devem permancer com a mãe durante as primeiras 4 semanas e só depois separadas. Durante o processo de amamentação a mãe deve ter uma alimentação rica em proteinas.

Os bébés devem ser manuseados diariamente de modo a se acostumarem aos humanos e de no futuro serem muito mais amigáveis e dedicados, pois as ratazanas são animais sociais e devotados ao dono e a interacção com este é muito importante. Após a separação da mãe, devem ser separadas em grupos do mesmo sexo e normalmente dão-se bastante bem entre si nestas condições.

Rui Martins
Clube dos Amigos dos Porquinhos-da-índia
http://capi.no.sapo.pt


Publicidade


Galeria fotográfica

Publicidade


Classificados
Belo Horizonte, Brasil
Dog City Clínica Veterinária
são paul, brasil
Canil menorah Filhotes maravil


Bicharada.net
Contacto
Login
Privacy policy